Doe Aqui

A entrega à Vontade Suprema

Início » Notícias » A entrega à Vontade Suprema

 

Possibilidade de renovação

Sabemos que grande é a possibilidade de renovação da pessoa que permanece, pelo menos por alguns instantes, consciente de sua união com Deus. Vivências de paz vão impregnando-a, trazendo uma quietude estável, suave e sadia, que tudo serena e cura.

Para embeber uma terra seca nada é mais eficaz que as torrentes de água vinda do céu. Do mesmo modo, para renovar a vida nada é mais eficaz que a entrega à vontade do ser interior. Podemos deter-nos nas paragens dos desertos humanos, mas se a busca pela vida espiritual for sincera, veremos que os oásis que se apresentam nada mais são que miragens efêmeras. Temos à nossa espera a brisa fresca das montanhas.

A luz da alma

Quando a luz da alma se fizer notar como um sol, não precisaremos manter acesa nossa pequena lâmpada, pois tudo estará sob intensa claridade. Sempre teremos essa luz interior a iluminar-nos.

Segue aqui um diálogo simbólico entre o ser envolvido na busca espiritual durante eras, denominado Peregrino, e a Divindade que habita o interior de cada um, a qual chamamos de Senhor:

“Ó peregrino, por quem estás a chamar?
Por que bates nesta porta?”

“Ó peregrino, por quem estás a chamar? Por que bates nesta porta?”

“Senhor, há muito estou a caminhar, tenho fome, frio e sede; busco justiça, busco perdão, busco encontrar o meu grupo. Dele me distanciei, distraído com as efêmeras belezas do caminho; entreguei-me aos prazeres do mundo, meus olhos obscureceram-se, meus ouvidos ensurdeceram-se, não percebia por onde andava”.

“Triste passado, apartado estava da verdadeira realidade! Agi contra a Lei, bem sei que foi assim. Sofri, Senhor, muito sofri, e em meio à dor despertei: meus olhos então se abriram, e meus ouvidos escutaram. Estava sendo novamente chamado; vi a Luz vir ao meu encontro, compreendi seu apelo. Prontamente decidi atende-lo e retomar a verdadeira senda; todavia, muito teria a caminhar”.

“Tempos passaram-se. Não vos posso precisar, Senhor, parece que há vidas estou buscando. Quero, acima de tudo, reunir-me àqueles que cumprem a Vontade da Luz que me chamou, e que é a Vontade Suprema; essa Vontade quero seguir. Não tenho mais escolhas a fazer, basta de escuridão; entrego-me, Senhor, à Sublime Luz que um dia me despertou”.

“Pois digo-te, ó peregrino, nunca deixaste de ser acompanhado por essa Luz. Mesmo quando te encontravas perdido em meio às trevas, a Luz estava em teu interior, a te chamar; porém, ensurdecido estavas pela ilusão do mundo das formas. Muito foste chamado, até que pudesses despertar; mas respondeste a tempo”.

“Caminhaste, e com teus próprios pés chegaste aqui. Digo-te: se estiveres disposto a te lavar do passado, a perdoar teus irmãos, a morrer em vida e a perder teus afetos para entrar na verdadeira Vida e deixar-te absorver no oceano de puro Amor, bateste na porta correta”.

Poderás então entrar, e não serás mais o mesmo

“Poderás então entrar, e não serás mais o mesmo, pois terás na Luz a tua fortaleza; no Amor, a tua vida; no Poder, a glória do Supremo Senhor. Mas, se tens medo ou dúvida, não estás pronto para a liberdade”.

“Reconfirmo ante vós os meus votos. Curvo-me em reverência e gratidão; orando, entrego minha vida Àquele que tudo criou. Que se faça segundo a Sua Vontade”.

E de dentro da luz, surgiu a Luz

E de dentro da luz, surgiu a Luz; em cânticos sublimes os anjos louvaram a chegada daquele que, estando perdido, encontrou o Caminho; estando cego, viu a Luz; estando surdo, escutou o Chamado.

Artigo de referência: Jornal O Tempo, de 07/ago/2016
Nome do artigo: A entrega à Vontade Suprema: passo decisivo na busca da Luz Maior
Áudio da Irdin: Conversas com Trigueirinho nº 65
Delimitação do tempo do áudio: 15´17 a 19´23
Áudio completo: http://www.irdin.org.br/acervo/detalhes/8480

Veja todos

 

2017-09-17T18:40:54+00:00 11 setembro 2017|Categories: Impulso Instrução, Impulsos|